Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2009

EMOÇÃO NO BARREIRO

 

Final 8 arranca 5ª feira
Há grandes partidas em perspectiva no Pavilhão Municipal Luís de Carvalho, no Barreiro. No próximo fim-de-semana, a começar já na quinta-feira, algumas das melhores equipas portuguesas estarão em luta pela Taça de Portugal, antevendo-se jogos de enorme qualidade, a não perder. Logo a abrir teremos o campeão nacional Ovarense Dolce Vita a defrontar o Illiabum, seguindo-se o sempre aliciante duelo entre Benfica e FC Porto Ferpinta. Saiba nos detalhes desta notícias o que alguns dos protagonistas esperam destas partidas.


No jogo de abertura da Final a 8 da Taça de Portugal, a campeã nacional Ovarense Dolce Vita defronta, no Barreiro, esta quinta-feira, às 19 horas, o Illiabum, líder da Proliga, que conseguiu o apuramento para esta fase da prova. Se no favoritismo a distância é grande, o mesmo não se poderá dizer da ambição que os técnicos Mário Leite e Carlos Cabral depositam para este confronto.

O treinador da equipa de Ovar, Mário Leite, não espera facilidades e para provar isso mesmo serve-se do último confronto efectuado entre estas duas equipas. “O jogo que realizamos para o campeonato não foi fácil. Vai exigir de nós o máximo respeito pelo adversário, bem como a necessidade de o encarar com a maior seriedade possível. O Illiabum está a realizar um fantástico campeonato na Proliga, sendo certo que neste tipo de competição, a eliminar, não pode existir o mínimo de relaxamento”, referiu o treinador.

Não querendo entrar em futurologia no que à final diz respeito, a única preocupação do técnico é vencer o primeiro jogo do torneio e estar preparado para o desafio seguinte. “Faz parte dos objectivos traçados para esta época vencer a Taça de Portugal. Uma vez que a Ovarense já não conquista uma Taça há quase 20 anos, o que eu pretendo para este jogo é uma equipa preparada para ganhar e que esteja pronta para realizar mais dois encontros, independentemente dos adversários que tenhamos de defrontar.”

E Mário Leite prossegue, cauteloso: “Não existem finais antecipadas. A final será entre as duas equipas que consigam chegar a domingo. O maior tempo de descanso, o maior desgaste que se possa ter tido durante a competição, tudo isso é esquecido quando se disputa uma final”, defendeu-se o treinador, respondendo, assim, aos que consideram vantajoso para a Ovarense o facto de a equipa disputar o primeiro jogo do torneio.

Já para o treinador Carlos Cabral, a sorte no escrutínio foi um pouco madrasta. “Calhou-nos em sorte o tri-campeão nacional. Espero que possa ser mais um motivo de superação para os nossos atletas, pois só desse modo é que seremos capazes de vencer a Ovarense e passar às meias finais”, constatou o treinador.

Mas o facto de ter conseguido alcançar esta fase da prova não retira ambição ao técnico nem à equipa de tentar conquistar ainda mais. “Enquanto treinadores tentamos motivar os jogadores a tentar vencer sempre algo mais. Eu tento sempre transmitir às minhas equipas aquilo que normalmente chamamos de ‘killer instinct’, nunca darmo-nos por satisfeitos com aquilo que estamos a conseguir.”

Nem o maior poderio vareiro abala Cabral. “Mesmo sendo eles mais fortes, espero que consigamos dar resposta, jogando de igual para igual, com ambição e sempre em superação”.

Um jogo com estas características joga-se muito ao nível psicológico e o treinador tem procurado treinar esse aspecto. “Controlar a pressão mental, conseguindo encontra um equilíbrio emocional que permita aos atletas explanar todas as suas potencialidades e que consigam fazer em campo tudo aquilo que lhe pedimos”, é provavelmente a tarefa mais complicada que o técnico tem neste momento entre mãos.

Nem mesmo a experiência acumulada nas jornadas cruzadas fazem Carlos Cabral acreditar que a sua equipa esteja mais preparada para este desafio. ”No campeonato até pode acontecer que algumas equipas da Liga possam subvalorizar os conjuntos da Proliga, mas neste tipo de competições provavelmente acontecerá o contrário. As equipas da Liga estarão muito mais preparadas e concentradas para os jogos”, argumentou Cabral

fonte:www.fpb.pt

 

Saudações Infernais


publicado por ultrasinfernais às 16:18
link do post | comentar | favorito

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. AD Vagos campeão nacional...

. Jogo de Vida ou Morte...

. John Smith eleito MVP da ...

. Ultras Infernais em entre...

. Vagos carimba presença no...

.arquivos

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.links

.pesquisar

 
SAPO Blogs

.subscrever feeds